Orientações Pesquisa

A pesquisa deve ser organizada da seguinte forma:
  • Sumário
 Relaciona as principais divisões e seções do texto, na mesma ordem em que nele se sucedem, indicando ainda as respectivas páginas iniciais. Deve ser localizado imediatamente após a capa e a folha de rosto.
  • Introdução

Ela pode conter um breve histórico sobre o tema a ser abordado, as motivações que levaram o pesquisador a propor o projeto, além de uma abordagem teórica, que consiste em um conjunto de afirmações e princípios que permitem a compreensão do que vai ser apresentado ao longo do projeto.
 Na introdução, entretanto, evita-se incluir as conclusões (se houver).

  • Desenvolvimento 
          O desenvolvimento é a demonstração lógica de todo o trabalho de pesquisa, retoma o problema inicial da introdução, apresenta o resultado dos testes e faz a avaliação das hipóteses colocando as principais conclusões.
Nos relatórios de pesquisas bibliográficas, o problema é retomado e analisado a partir das informações relevantes colhidas na revisão da literatura. O desenvolvimento, nessas pesquisas, se atém a explicar, discutir e demonstrar a pertinência das teorias na explicação do problema proposto analisando e extraindo conclusões sobre suas deficiências ou qualidades explicativas.
Nos relatórios de pesquisas experimentais ou descritivas, procura-se transformar o problema lançado a um nível teórico na introdução em problema empírico.  
As hipóteses e variáveis experimentadas devem estar claramente evidenciadas, bem como todos os procedimentos relevantes utilizados na testagem, de tal forma que o leitor possa reconstruir mentalmente como a pesquisa foi feita. Convém não colocar, porém, no desenvolvimento a explicação exaustiva dos métodos e técnicas utilizados, mas apenas sua indicação, ou o resultado do que foi obtido, como é o caso dos testes para avaliar a fidedignidade e a validade dos instrumentos. O desenvolvimento segue uma exposição lógica, utilizando-se dos dados constantes em tabelas ou gráficos para demonstrar a validade ou não das hipóteses.
De acordo com as características do problema, das técnicas utilizadas e do estilo do autor pode-se dividir o desenvolvimento em tantas partes quantas forem necessárias, utilizando-se para isso os capítulos, as seções, as subseções, etc., tendo, porém, o cuidado de não perder a unidade.


Conclusão (1 folha no mínimo)
        Deve conter análise crítica do trabalho com registro dos resultados das análises das atividades realizadas. Retoma-se a visão inicial apresentada na introdução, principalmente em relação aos objetivos traçados e quais foram os resultados alcançados. Pode-se comentar também a importância e a pertinência do trabalho, ações a serem tomadas, sugestões e alternativas de melhorias na etapa de formação; sugestões para implementação; questões a serem estudadas futuramente.
  • Referências
     Utiliza-se a designação Referências para indicar todas as fontes citadas no texto, inclusive eletrônicas. 


 Material de referência:

http://meiradarocha.jor.br/news/tcc/2010/10/17/a-estrutura-do-trabalho-cientifico/

2 comentários:

  1. Quando tento entrar no material de referência, o mesmo texto se sege como " HTTP Error 404.0 - Not Found
    O recurso que você está procurando foi removido, teve o seu nome alterado ou está temporariamente indisponível. ", possivelmente é um empecilio para o mesmo!

    ResponderExcluir